Seleção não é patriotismo, verdadeiros patriotas torcem pelo país.

  Terça-feira, 8 de julho de 2014, um dia que vai entrar para a história brasileira, neste dia olhos se encheram de lágrimas, a perplexidade tomou conta de todo um povo que via ali o sonho de ser hexa-campeão tornar-se a maior derrota do futebol brasileiro, o 7x1 sofrido na Copa do Mundo sediado em nosso país em plena semifinal, foi um fato vergonhoso, sem sombra de dúvidas, mas existem assuntos que deveriam nos envergonhar ainda mais do que esse episódio que vai ficar marcado por gerações assim como a derrota na Copa de 1950 em pleno Maracanã contra o Uruguai.
  O brasileiro tem uma mania de misturar futebol com patriotismo e politica, na verdade coisas completamente distintas que deveriam ser tratadas separadamente, o patriotismo brasileiro ocorre a cada quatro anos, todos vestem a camisa da seleção brasileira, enfeitam a casa, pintam as ruas e nos carros vemos a bandeira nacional ornando capôs ou presas pelas janelas. Algo que é incomodo é o fato de as eleições serem no mesmo período, o que abre precedentes para políticos de má índole aproveitar de resultados positivos obtidos pela seleção na competição. Ser patriota não é queimar a bandeira do país após uma derrota, ser patriota é mostrar o amor pela pátria independente do que aconteça e não apenas no esporte, o verdadeiro patriota age quando discorda da política, o patriota pesquisa candidatos antes de votar, o patriota luta pelo coletivo e não pelo interesse próprio, o verdadeiro patriota brasileiro é aquele que não aguenta mais ver a situação em que o país se encontra, é aquele que quer construir um país digno, onde todos possam ter acesso as necessidades básicas, onde a prosperidade não seja exclusiva de alguns, onde a educação é a base de uma nação, o verdadeiro patriota é o louco, o que pensa diferente, o que tem senso crítico, o que tem esperança e ama seu país mesmo com todas as mazelas que são gritantes, apenas não enxerga quem não quer ver, o patriota não tem classe social, sexo, religião e nem mesmo nível educacional e cultural definidos, é apenas aquele que procura se livrar do jeitinho e que quer alcançar os seus objetivos por mérito e não passando por cima de sonhos alheios. Torcer pela seleção não faz de você patriota se você não se importa com o nosso país.
  Mais uma vez ficamos estarrecidos com a violência e o vandalismo que se espalharam após o termino dessa vergonhosa partida. É um jogo, um campeonato, acabou para o Brasil, deixem os que brigam pelo titulo alcançar seus objetivos e, vamos buscar os culpados, não pela derrota do futebol, mas pela derrota na saúde, na educação e na corrupção, vamos Brasil a hora é essa, vamos mostrar que ainda podemos ser campeões, não vote em branco, não se deixe influenciar, nenhum candidato o agrada? Vote para tirar do cargo aquele que tenta reeleição, simples assim, dessa forma uma hora chegamos aos nossos reais objetivos.

Comentários

Postagens mais visitadas